Os seguros de financiamento imobiliário são tema frequente de dúvidas, pois é muito comum que os compradores não saibam quais são os seguros obrigatórios e quais são opcionais. Aproveitando-se desse desconhecimento dos consumidores, alguns bancos buscam induzir o cliente a contratar proteções adicionais, como seguros de vida e residenciais, aumentando consideravelmente o valor das parcelas do financiamento.

seguros-de-financiamento-imobiliario

A fim de lhe ajudar com esse tipo de situação, hoje falaremos sobre quais seguros de financiamento imobiliário são obrigatórios, como eles funcionam, quais os 7 maiores problemas envolvendo seguros imobiliários e como um advogado especialista em direito imobiliário pode ajudar nesses casos. Quer saber mais sobre esse tema? Venha conosco!

Seguros de financiamento imobiliário: quais são obrigatórios?

seguros-de-financiamento-imobiliario

Primeiramente, devemos esclarecer que, por determinação legal, é exigido que o comprador que está realizando um financiamento imobiliário tenha ao menos dois seguros. Somente após eles serem apresentados na relação contratual, torna-se possível celebrar o contrato.

O primeiro seguro exigido é o DFI (Danos Físicos ao Imóvel). Ele se destina à proteção contra eventuais danos físicos aos imóveis, relacionados à integridade física do bem, incluindo incêndios, alagamentos, destelhamentos e explosões.

A alíquota do DFI é multiplicada sobre o valor de mercado do imóvel, ou seja, correspondente à avaliação do bem no momento da contratação do financiamento. Essa alíquota é aplicada a todas as parcelas do financiamento, e não se altera ao longo do tempo, como no MIP.

Exemplo: Caso a seguradora tenha como base uma alíquota de 0,00899%, e o cliente adquira um imóvel no valor de R$300 mil, o cálculo será:

DFI = 0,00899% × R$300.000,00 = R$26,97

Ou seja, neste caso, o valor a ser pago mensalmente seria de R$26,97, para cobertura do prêmio do DFI.

O segundo seguro é o de Morte ou Invalidez Permanente (MIP). Seu objetivo é assegurar que sobre o contratado não recaia débito em aberto, se ocorrer alguma coisa grave com o devedor.

A alíquota do seguro MIP é calculada com base na faixa etária do cliente. Quanto maior a idade do comprador, maior o risco de sinistralidade. Para cada faixa etária existe uma alíquota, que é multiplicada ao saldo devedor mensalmente atualizado.

Importante: Em caso de morte por suicídio, a cobertura do seguro só terá validade depois de 2 anos que a apólice entrar em vigor. Além disso, se o comprador fizer a contratação do financiamento já estando aposentado por invalidez pelo INSS, somente haverá a cobertura por morte, excluindo a que se refere à invalidez permanente.

Também é importante salientar que é possível contratar o seguro com qualquer seguradora disponível no mercado. Ou seja, o comprador não é obrigado a contratar o seguro oferecido pelo mesmo banco que está realizando o financiamento.

Feita a escolha, o banco não pode se recusar a aceitar a seguradora escolhida pelo comprador, a menos que possa oferecer proposta de valor inferior.

Quais os 7 maiores problemas em seguros de financiamento imobiliário?

seguros-de-financiamento-imobiliario

Considerando que apenas o MIP e o DFI são obrigatórios, é comum observar problemas envolvendo os seguros não-obrigatórios. Confira a seguir algumas das principais ocorrências envolvendo seguros imobiliários.

1 – Negativa no pagamento da indenização: Sem sombra de dúvidas, o maior problema com seguros de financiamento é a negativa de cobertura do seguro em caso de ocorrências, especialmente quando há o falecimento do segurado. Quando a seguradora nega cobertura, o segurado, que pagou os valores durante muitos anos (ou sua família) se vê desamparado, sem acesso às indenizações no momento de maior necessidade. Dentre os principais motivos dados pelas seguradoras para a negativa de cobertura, estão:

  • Falta de cobertura contratual: A seguradora alega que o evento que causou o prejuízo não está previsto na apólice de seguro e que, por isso, não há obrigação de pagar a indenização. Aqui, o advogado especialista em seguros irá analisar cautelosamente o contrato a fim de identificar se há ou não previsão de cobertura do ocorrido;
  • Informações falsas ou omitidas: Por vezes, a seguradora alega que o segurado mentiu ou omitiu informações relevantes durante o processo de contratação. Neste caso, o advogado tem o papel de comprovar que o segurado forneceu as informações em questão ou desconhecia a existência destas no momento da contratação;
  • Negligência do segurado: Aqui, a seguradora alega que o segurado não tomou as medidas necessárias para proteger seu patrimônio. Neste caso, cabe ao advogado comprovar que o segurado cumpriu com suas obrigações contratuais a fim afastar a negativa de indenização;
  • Sinistro fora da vigência do contrato: Neste caso, a seguradora alega que, devido ao vencimento do contrato, o sinistro não é coberto. Caso o contrato tenha sido renovado, o advogado utilizará o novo contrato como prova da vigência do seguro;
  • Exclusões previstas na apólice: É comum que as apólices de seguro prevejam exclusões específicas nas quais a seguradora não tem de pagar a indenização. Cabe ao advogado especialista em seguros averiguar a apólice a fim de identificar exclusões abusivas, que devem ser anuladas.

2 – Promessas de redução de taxas: É muito comum que os gerentes dos bancos prometam taxas menores para quem adquirir os seguros opcionais ou mesmo que estes condicionem a aprovação do financiamento à contratação dessas proteções. Ambas são práticas ilegais, que podem ser consideradas venda casada. Proibida pelo artigo 39 do Código de Defesa do Consumidor (CDC), a venda casada consiste em exigir a contratação de produto como condição para a compra de outro.

3 – Não informar o cliente sobre quais seguros são opcionais: Omitir que os seguros adicionais não são obrigatórios é uma prática ilegal. Segundo o Código de Defesa do Consumidor, o consumidor tem o direito à informação. Ter clareza do que está sendo oferecido impede que o comprador pague por serviços que não é obrigado a contratar.

4 – Omissão dos custos do seguro: A Lei estabelece que os custos do MIP e do DFI devem estar incluídos no valor das parcelas do financiamento e também no contrato de concessão do crédito pelo banco para a aquisição do imóvel.

É possível identificar se o banco está incluindo produtos indevidos na operação ao verificar se o contrato de alguns dos seguros oferecidos é separado do contrato de financiamento.

5 – Inclusão de produtos não relacionados ao financiamento: Além da venda indevida de seguros, o banco também pode tentar incluir no financiamento do imóvel outros produtos, como planos de previdência e títulos de capitalização, que nada têm a ver com o financiamento do imóvel. O consumidor não tem obrigação de contratar nenhum desses produtos.

6 – Irregularidades na análise de propostas de outras seguradoras: A instituição financeira tem 15 dias para analisar a proposta e pode cobrar, no máximo, 100 reais por essa análise. O banco só poderá recusar a proposta caso ofereça uma proteção com valor inferior ao da apólice escolhida pelo cliente.

7 – Cobrança de franquia: A franquia do seguro é um valor que deve ser pago pelo contratante caso aconteça algum sinistro. Ele consiste em uma participação do segurado para a cobertura de sinistro, acima deste valor, o pagamento é feito pela seguradora. 

Exemplo: No seguro auto, o comprador contrata o serviço e o valor da franquia estipulado é R$ 2 mil. 

Caso o comprador se envolva em um sinistro, e os consertos fiquem por volta de R$ 5 mil, o comprador deverá pagar os R$ 2 mil, e a seguradora irá cobrir os outros R$ 3 mil. 

Contudo, mesmo sendo uma prática muito comum em outros seguros, a franquia não acontece no seguro habitacional.

Ou seja, em caso de sinistro, o comprador não deve contribuir para parte dos consertos, pois a responsabilidade total será da seguradora.

Como o advogado pode ajudar em casos de problemas com seguros de financiamento imobiliário?

seguros-de-financiamento-imobiliario

Quando se trata de resolver questões envolvendo seguros imobiliários, o ideal é tirar suas dúvidas com um advogado especialista em direito imobiliário SP.

Este profissional poderá realizar uma análise minuciosa de todos os contratos envolvidos, identificando quaisquer cláusulas abusivas e anulando-as de pleno direito, poupando o consumidor de lidar com a cobrança de taxas indevidas.

Além disso, tirar dúvidas com este profissional é essencial para que o consumidor possa identificar serviços opcionais que tenha sido induzido a contratar. Caso o consumidor não tenha sido informado da não-obrigatoriedade desses seguros, o advogado buscará a anulação dos respectivos contratos, evitando o pagamento de valores excessivos que poderiam vir a prejudicar o orçamento do consumidor.

Ou seja, tirar suas dúvidas com um advogado especializado em seguros é crucial, especialmente quando a seguradora se recusa a pagar a indenização do seguro de financiamento imobiliário. Confira a seguir alguns motivos que ressaltam a importância desse profissional:

1 – Conhecimento especializado: Advogados especializados em seguros entendem as complexidades das leis de seguro e podem identificar se a recusa da seguradora é injustificada, resguardando os direitos do segurado.

2 – Negociação eficaz: Um advogado pode negociar com a seguradora em seu nome, buscando uma resolução amigável do problema e também evitando as armadilhas jurídicas que as seguradoras comumente empregam contra os segurados.

3 – Representação legal: Em caso de falha na negociação, um advogado pode representá-lo em processos legais contra a seguradora, garantindo que seus direitos sejam protegidos e impedindo que você tenha de lidar com prejuízos que poderiam comprometer sua saúde financeira.

4 – Economia de tempo e redução do estresse: Lidar com uma seguradora que se recusa a pagar uma indenização pode ser extremamente estressante e desgastante para o segurado. Um advogado especialista em seguros pode assumir essa carga, permitindo que você se concentre em lidar com assuntos mais importantes.

Por conta da relevância desse profissional, torna-se importantíssimo buscar por um advogado com experiência no assunto. Escritórios como a Maviene Advogados possuem uma visão mais ampla sobre o tema, possibilitando uma assessoria completa em dúvidas referentes aos processos imobiliários.

Tem ou ficou com alguma dúvida sobre seguros de financiamento imobiliário? Tire suas dúvidas conosco e saiba mais sobre seus direitos! Confira mais dicas sobre Direito Imobiliário em nosso Blog e siga nossa página no Facebook e no Instagram! Até mais!

O que observar no contrato de um imóvel construído por incorporadora?

Direito Imobiliário 23 maio, 2024
Com a alta no mercado imobiliário, a compra de imóvel na planta se torna uma...

Construtora atrasou a obra mais de 180 dias: posso pedir indenização?

Direito Imobiliário 23 maio, 2024
Com as tecnologias de inteligência artificial evoluindo a passos largos, as empresas voltaram sua atenção...

DIREITO IMOBILIÁRIO

Baixe nosso ebook gratuito e conheça todos os seus direitos como comprador!

BAIXAR AGORA

Preencha os dados e receba em seu e-mail

Após preencher os dados abaixo, clique no botão para receber o seu ebook gratuito.

li{display:block;padding:0;width:100%;padding-top:0}.inputs-list label{display:block;float:none;width:auto;padding:0;line-height:18px;text-align:left;white-space:normal;font-weight:normal}.inputs-list:first-child{padding-top:6px}.inputs-list>li+li{padding-top:2px}ul{list-style:none}.field{margin-bottom:18px}.hs-field-desc{color:#7c98b6;margin:0px 0px 6px;font-size:14px;font-family:"Helvetica Neue",Helvetica,Arial,sans-serif}.hs-form-required{color:red}.hs-richtext{margin-bottom:3px;font-family:"Helvetica Neue",Helvetica,Arial,sans-serif;line-height:24px;font-size:14px;color:#33475b}.hs-richtext hr{text-align:left;margin-left:0;width:91%}.email-correction,.email-validation{padding-top:3px;font-size:12px;font-family:"Helvetica Neue",Helvetica,Arial,sans-serif}.email-correction a,.email-validation a{cursor:pointer}@media (max-width: 400px), (min-device-width: 320px) and (max-device-width: 480px){.email-correction form .form-columns-2 .hs-form-field,.email-correction form .form-columns-3 .hs-form-field,.email-validation form .form-columns-2 .hs-form-field,.email-validation form .form-columns-3 .hs-form-field{float:none;width:100%}.email-correction form .form-columns-2 .hs-form-field .hs-input,.email-correction form .form-columns-3 .hs-form-field .hs-input,.email-validation form .form-columns-2 .hs-form-field .hs-input,.email-validation form .form-columns-3 .hs-form-field .hs-input{width:90%}.email-correction form .form-columns-2 .hs-form-field input[type="checkbox"],.email-correction form .form-columns-2 .hs-form-field input[type="radio"],.email-correction form .form-columns-3 .hs-form-field input[type="checkbox"],.email-correction form .form-columns-3 .hs-form-field input[type="radio"],.email-validation form .form-columns-2 .hs-form-field input[type="checkbox"],.email-validation form .form-columns-2 .hs-form-field input[type="radio"],.email-validation form .form-columns-3 .hs-form-field input[type="checkbox"],.email-validation form .form-columns-3 .hs-form-field input[type="radio"]{width:24px}}n","time":1525966052030,"rumServiceResponseTime":5267.300000006799,"rumTotalRequestTime":320.7000000111293,"api":{"id":"72dec4d7-6d37-4958-8671-872cfa0d08ce"},"correlationId":"4f757a6e-6333-49bb-8e41-e9df9f0018cb","rumScriptExecuteTime":4943.599999998696},"target":"#hbspt-form-1525966055874-5695605119","shellId":0,"shell":true,"pageUrl":"http://rendera.herokuapp.com/","pageTitle":"Page","referrer":"http://rendera.herokuapp.com/","redirectUrl":"https://mavieneadvogados.com.br/wp-content/uploads/2018/05/ebook_maviene_imobiliario.pdf"},"recentFieldsCookie":{},"boolCheckBoxFields":"","dateFields":"","redirectUrl":"https://mavieneadvogados.com.br/wp-content/uploads/2018/05/ebook_maviene_imobiliario.pdf","smartFields":{},"urlParams":{},"formValidity":{},"formTarget":"#hbspt-form-1525966055874-5695605119","correlationId":"4f757a6e-6333-49bb-8e41-e9df9f0018cb","disableCookieSubmission":false,"usingInvisibleRecaptcha":false,"isFallback":false}" data-reactid=".hbspt-forms-0.4">

You have Successfully Subscribed!

Preencha os dados e receba em seu e-mail

Após preencher os dados abaixo, clique no botão para receber o seu ebook gratuito.

Formulário será aqui!

You have Successfully Subscribed!

Abrir Whatsapp
Precisa de Ajuda?
Olá 👋 Posso te ajudar? Se tem alguma dúvida sobre seus Direitos é só enviar uma mensagem 😉